Pairando pela história

A Origem das Praças

A sociedade desde os mais remotos tempos históricos e até mesmo pré-históricos tem como forte característica a vivência em grupos e com isso a troca de experiências e informações.
O agrupar-se para tal fim deu origem na Idade Antiga a Ágora na Grécia e ao Foro em Roma, esses espaços públicos eram uma marca forte na simbologia na cultura de cada uma dessas civilizações, tanto que a origem das escolas se dá nesses espaços onde as informações e as discussões eram abertas ao público.
Na Idade Média ao redor das praças surgem vilarejos que mais tarde tornaram-se grandes cidades com destaques históricos culturais, cidades essas que possuem uma força urbana até os dias atuais.
 Com o passar do tempo esses espaços foram se aperfeiçoando e cada vez mais se inserindo no contexto urbanístico das vilas, e mais tarde dos municípios, hoje as praças são lugares de lazer e ganharam amplos jardins que as valorizam muito como um espaço de prazer e distração.
Mas, não foi sempre assim, as praças por se localizarem em espaços centrais foram por muito tempo, ponto de encontro para manifestações, reuniões e outras atividades visando a questão dos direitos dos cidadãos.
No Brasil desde os tempos do período colonial as praças desenvolviam um papel fundamental na questão do desenvolvimento e das relações sociais, nelas eram feito comercialização de vários produtos entre eles a venda de escravos que por muitas vezes foram nessas mesmas praças açoitados como forma de castigo, punição e ao mesmo tempo como forma de mostrar a sociedade quem era o dominador social.
No período do Império as praças no Brasil ganharam toques mais românticos com forte característica europeia entre elas as praças ajardinadas, que urbanizaram com beleza esses espaços de encontro e lazer, os coretos e as retretas viraram marca registrada de muitas praças no interior do Brasil.
Hoje com a República as praças brasileiras ganharam uma conotação social, política e cultural, muito mais forte, a curiosidade nesse caso é que muitos municípios no Brasil possuí uma Praça com o nome de 15 de novembro em homenagem a Proclamação da República. É nesse período que a questão paisagística se fortalece com a inserção dos monumentos, que contam momentos e homenageiam pessoas ilustres da história brasileira.


historiadora, Especialista em Patrimônio histórico e Mestre em Educação 

Comentários

Postar um comentário