Ruas do bairro Vila Romar em Peruíbe estão sem iluminação pública



O bairro Vila Romar possui ruas sem iluminação pública. Os postes de energia estão lá, mas as luminárias com as lâmpadas nunca foram instaladas.

Para ter uma ideia do blecaute que é andar pelas ruas do bairro, utilizando 
o medidor de distância do Google Maps, existe um trecho de mais de 650 metros sem nenhuma luminária, escuridão total.

A Rua Constantina do Prado Lacerda na altura do número 462 não tem luminária, logo a frente após cruzar com a Rua Treze, também faltam mais três 
luminárias, neste trecho a distância é de aproximadamente 200 metros na escuridão.



A Rua Treze ou Rua Paulo Akio Hokama (foto a noite) tem do início ao 
fim uma distância total de 520 metros, cruzando o os bairros Vila Romar e Jangada. Da altura da Creche EMEI Vila Romar até a escola Maya Ekman são mais de 350 metros sem iluminação pública. A escuridão em um ponto comum ja causa insegurança, mas em um trecho cumprido como o da Rua 
Treze é de causar medo. 

Como mostram as fotos, a noite forma um quarteirão da escuridão causando 
sensação de insegurança aos que passam pelo local. Alguns moradores do 
bairro dizem que já reclamaram diversas vezes com a Elektro, mas nada é feito 
e o problema é antigo no bairro. 



“Já tem muitos anos que a rua está assim, na verdade neste trecho nunca teve 
iluminação. Aqui mesmo pagando as taxas de iluminação pública embutida no IPTU, continua ano após ano e nada de energia elétrica”, disse o morador 
Carlos Figueiredo.

“Eu já desisti de tanto reclamar com Elektro e a Prefeitura. Falta vontade e 
vergonha na cara, pois nós pagamos nossos impostos e não temos iluminação 
pública digna na maioria das ruas de nosso bairro. É um absurdo! Tem que por 
no jornal mesmo, para ver se algo acontece, pois a rua aqui nunca teve iluminação”, desabafa o morador Heitor Oliveira.

Por determinação da Agência Nacional de Energia (Aneel) são os municípios os responsáveis pela expansão, as instalações, a manutenção e o consumo de energia deste serviço. 

A prefeitura de Peruíbe cobra o serviço de iluminação pública no IPTU, mas prestar o serviço atendendo as prioridades que são os locais que nem possui iluminação, o governo Ana Preto prefere deixar de lado, para por 
aquelas lâmpadas de “led” na cidade e ter postes novos enferrujando na praia,

Comentários