Secretaria da Habitação realiza 92 sorteios eletrônicos de casas com mais de 8.500 famílias contempladas

CDHU realiza 92 sorteios eletrônicos de casas com mais de 8.500 famílias contempladas  

Os sorteios eletrônicos da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), órgão vinculado à Secretaria de Estado da Habitação, selecionaram até o momento 8.588 famílias em vários municípios do Estado de São Paulo desde sua implantação em 25 de julho deste ano.

Foram cerca de 148 mil famílias inscritas em 87 municípios paulistas, que participaram dos 92 sorteios eletrônicos realizados pela CDHU durante esses 36 dias. Do total de 8.588 moradias sorteadas até agora, 656 foram destinadas para pessoas deficientes e 362 para idosos.

Ao todo, serão 127 sorteios eletrônicos, totalizando 12.681 unidades habitacionais em 118 municípios até o mês agosto. Os antigos sorteios presenciais de moradias da CDHU chegavam a reunir milhares de inscritos em estádios, ginásios de esportes e praças de cidades do interior. Agora, para evitar aglomerações por causa da pandemia da Covid-19, a seleção dos inscritos a uma moradia passou a ser feita eletronicamente, sem a presença do público e com transmissão ao vivo de um estúdio montando na sede da Companhia, no centro de São Paulo. Os sorteios seguem as orientações do Centro de Contingência do Coronavírus do Governo do Estado.

"É um sistema novo, com tecnologia, auditoria, segurança, transmissão pelas redes sociais e com divulgação nos veículos de comunicação. Desta forma começamos um novo processo, o do sorteio eletrônico. Realizamos todas as etapas necessárias para que os sorteios tenham credibilidade, com testes, ensaios, auditorias, e para garantir transparência para a seleção das famílias de forma igualitária", afirmou o secretário de Estado da Habitação, Flavio Amary.


Mais transparência e disponibilidade

Os sorteios ocorrem três vezes por semana, sempre, às segundas, quintas e sextas-feiras. São transmitidos, ao vivo, pela internet através do Facebook e do Youtube da Secretaria da Habitação e da CDHU. Assim os interessados e o público em geral podem acompanhar, no local de sua escolha, com total segurança.

Até o dia 31 de julho foram realizadas 92 transmissões, ao vivo, pelos canais oficiais, resultando em 860 mil visualizações das transmissões e dos vídeos disponibilizados. O que conferiu um total de 2.479.907 minutos visualizados destes sorteios no facebook.

Todas as informações sobre os novos sorteios eletrônicos da CDHU podem ser consultadas pelo site www.cdhu.sp.gov.br. As dúvidas, também, podem ser esclarecidas pelo Alô CDHU no telefone 0800.000.2348.


Como funciona o sorteio

Diferente do presencial, o sorteio eletrônico é realizado em duas etapas. Na primeira é sorteada a sequência numérica que formará a "semente", composta por 8 números através das duas urnas instaladas no auditório da CDHU, em São Paulo. Na segunda etapa, as moradias serão sorteadas pelo computador através de um programa especial, capaz de garantir a segurança dos resultados dos sorteios, desenvolvido pelos técnicos da CDHU. Além disso, todo o processo é auditado por uma empresa de auditoria externa. As informações sobre o sorteio são registradas em ata e publicadas no site da CDHU, após validação da auditoria contratada.

As famílias sorteadas passarão pelo processo de habilitação, quando deverão comprovar os requisitos exigidos para participar dos programas habitacionais, que constam no edital de inscrição do empreendimento. Caso isto não ocorra ela será desclassificada e um família suplente será convocado no seu lugar, de acordo com a ordem do sorteio.

Comentários